quarta-feira, 9 de julho de 2008

Smooth Jazz All Stars - Smooth Jazz Tribute to Amy Winehouse.

Pois é, meus amigos!
Até já se fazem álbuns de tributo á "Amynha" de apenas 24 anos. Só mesmo alguém com um imenso talento para já ter álbuns de tributo, com tão tenra idade. Mas ela merece, sem dúvida.

Cá vai mais uma foto da menina:

Winehouse performing at HMV Oxford Street (London)-28th April 2002

Dá para acreditar?... Na decadência em apenas 6 anos!!!!!!!!!!

Smooth Jazz Tribute to Amy Winehouse_2008

1. Rehab 3:32
2. You Know I'm No Good 4:06
3. Back to black 4:00
4. F me pumps 3:15
5. Tears dry on their own 2:47
6. In my bed 4:54
7. Love is a losing game 2:35
8. Me & Mr Jones 2:31
9. Wake up alone 3:36
10.Help yourself 4:33

DOWNLOAD

4 comentários:

Emerson disse...

Claro q já ouvi os albuns da "Amynha"(como vc mesmo a chama).
Iria até perguntar se foi ao show dela, q rolou por aí..
Ñ disponho de muito tempo para acompanhar as notícias, + ouvi dizer q ñ foi de todo mal. Certo!
Vc curtiu?
Gosto muito dela. Sua musicalidade é dinâmica e cheia dakelas coisinhas q tomam o nosso coração, ñ é mesmo?!
Vc já ouviu falar do Antony and the Johnsons? suas músicas são um regalo para a alma.. Aconselho vc a procurá-lo, caso o desconheça!
Abraços,

Sério Baralho disse...

Pois é Emerson. Quanto ás suas perguntas sobre a Amy, faz o favor de colocar o nome dela no motor de busca do BLOG, que encontra as respostas (assim me poupa algum trabalho, hehehehe).
Eu já ouvi falar do Antony and the Johnsons mas ainda não ouvi. Vou procurar, e se kurtir coloco aqui.
Aproveito para te aconselhar o Keziah Jones (põe no motor de busca). É bom demais. Especialmente o "Blue Funk is a Fact".
Abraço, amigo!

JazzMan! disse...

Amigo, acabei de postar esse álbum no meu blog e dei o crédito para o seu blog. Se vc gosta de Jazz, convido-lhe para conhecer o meu blog. http://www.jazzmanbrasil.com/

Sério Baralho disse...

Obrigado, Jazzman!
Sim! Eu gosto de Jazz e assim que tiver um tempinho dou uma olhada em seu blog, com certeza. Já ouvio Maria João & Mário Laginha, ou os trabalhos deles a solo e em outas parcerias? É muito bom!
Abraço!